E EIS QUE, TENDO DEUS DESCANSADO NO SÉTIMO DIA, OS POETAS CONTINUARAM A OBRA DO CRIADOR.
(MÁRIO QUINTANA)

quarta-feira, 3 de novembro de 2010

A UM LIVRO

(Foto minha – Alentejo – Alqueva)


A UM LIVRO

Florbela Espanca

No silêncio de cinzas do meu Ser

Agita-se uma sombra de cipreste,

Sombra roubada ao livro que ando a ler,

A esse livro de mágoas que me deste.

Estranho livro aquele que escreveste,
Artista da saudade e do sofrer!
Estranho livro aquele em que puseste

Tudo o que eu sinto, sem poder dizer!


Leio-o, e folheio, assim, toda a minh’alma!

O livro que me deste é meu, e salma
As orações que choro e rio e canto! ...

Poeta igual a mim, ai quem me dera

Dizer o que tu dizes! ... Quem soubera
Velar a minha Dor desse teu manto! ...


Florbela Espanca, in "Livro de Mágoas"


Florbela Espanca

8 de Dezembro de 1894.
Dezembro de 1930

42 comentários:

Nilce disse...

Adorei a poesia Mariazita.
Que foto interessante. Seria uma planície alagada? Gostei muito.

Bjs no coração!

Nilce

Machado de Carlos disse...

Olá Mariazita!

Adoro sempre Florbela Espanca. Acho que ela nunca morreu ou nunca morre. Ela está gravada em nossa alma!

Fiquei preocupado com você! Como está de saúde?
Obrigado por comentar em meu blog.
Até sempre, então!...
Beijos!...

Sonhadora disse...

Minha querida Mariazita

Adoro Florbela Espanca, e este poema é lindo.
E adorei a imagem do meu querido Alentejo.
Espero que estejas melhor.


Beijinhos com carinho
Sonhadora

rouxinol de Bernardim disse...

Florbela sempre igual, sempre uma fonte de amor cristalino...

Desnuda disse...

Mariazita, mais lindo impossível! Adorei, querida.

Fico feliz com a sua melhora. Obaaaaaaa! Mais beijos com vitamina C e muito carinho.

* Amo ôce!

Néia (Dulci) disse...

Mariazita tu tens um bom gosto! trazer-nos Florbela Spanca para encher nossa alma com essa poesia encantadora,foi tudo de bom.
Beijos.

Barbara disse...

Como comentar isto?
Desfrutei ( e copiei ).

Mas és do Alentejo?
Outro dia, num canto de apreciação e degustação de vinhos no mercado, fiquei quase meia hora assistindo a um vídeo que puseram sobre o Alentejo.
Enamorei.

Ana Martins disse...

Boa tarde Mariazita,
este soneto de Florbela Espanca é maravilhoso.

Lindo momento de poesia aqui!

Beijinhos,
Ana Martins
Ave Sem Asas

ALUISIO CAVALCANTE JR disse...

Querida amiga

Florbela é dona de um estilo
ímpar de escrever.
Basta algumas linhas
para sabermos que um
poema é de sua autoria.
Aqui no Brasil,
sua obra ficou bastante
conhecida graças a Raimundo Fagner,
que musicou alguns de seus sonetos
de forma maravilhosa.


Uma semana repleta de alegrias.

xistosa - (josé torres) disse...

A pungência duma grande poetisa que nunca me canso de ler e reler.

Um bom domingo.

Graça Pereira disse...

Acho que Florbela Espanca tem a dimensão de um Alentejo que se ama e nunca cansa. Escolheste bem o poema, sofredor, cheio de mágoas mas...tão belo: "Estranho livro aquele que escreveste/ Artista da saudade e do sofrer"...ela que foi sofrimento e dor desde que nasceu até que partiu...no entanto, deixou-nos flores atras de si, em cada um dos poemas que escreveu.
Beijo e uma boa semana.
Graça

Chica disse...

Muito linda,Mariazita!

E tu como estás,bem/?

Um beijo,tudo de bom,chica

Luis disse...

Minha Querida Amiga Mariazita,
Belo soneto da Florbela Espanca.
Espero que se encontre já restabelecida para assim poder fazer o lançamento do seu livro em grande forma...
Até muito breve com um grande beijinho muito amigo.

Fátima disse...

Eis aqui uma Flor bela.
Tão bela que, quando a leio, sinto o cheiro da flor.
Quanta dor velada.
Nessa sombra
assombrada de amor.

Um beijo, minha amiga.
Com carinho
Fátima

Fernanda disse...

Querida amiga Mariazita!

Florbela Espanca é uma das minhas preferidas de há longa data.

Conhecia a poesia, mas adorei reler aqui e agora.

Beijinhos

Sandra disse...

Muito lindo..
Ola tudo bem???Estamos comemorando e lembrei-me de você. Fazes parte dessa comemoração.
Conquistar amigos é conquistar a esperança de de ter encontrado mais uma vida, mais um amigo.
Estou muito feliz em ter você na CURIOSA. Dois anos se passaram e os amigos só foram chegando. Tenho certeza que esta irradiação de pensamento foram se firmando aos longos desse dias, DESSE TEMPO.
A conquista de NOVOS amigos não é muito fácil. mas graças a DEUS tenho este carinho especial e A graça de conuistar as pessoas. A HUMILDADE, a Honestidade e Sinceridade é que nos aproximaram. Quando o coração é tranparente,tudo fica super fácil.
Ser verdadeiro com o outro é um Dom. o Dom da Sabedoria.
Muito obrigada pelo seu carinho e amizade. Estou muito feliz em ter você fazendo parte dessa conquista.
Amigos são verdadeiros frutos que vamos semeando ao longos dos dias.
a conquista é como ostra que encontramos submersas e vamos conservando, e deixando ela com um valor imensuravel.
A amizade é como OURO de longe se vê, é um brilho sem fim...
Obrigado AMIGOS de diversos pontos do BRASIL, MUNDO...
Estou feliz em ter vc a meu lado.
Amigos para sempre é o que nós iremos ser, na primavera ou em qualquer das estações.
Você pode estar longe, muito longe. Mas por te amar sinto você bem pertinho de mim. Pois mora no lado esquerdo do peito:CORAÇÃO...
carinhosamente,
Sandra

Vieira Calado disse...

E não era ela lá dos lados
do Alqueva
(ainda sem sonhar de ter agua!)?

Bela escolha!

Beijinho

Cida disse...

Passei prá te deixar um abraço, e te desejar tudo de bom.

Depois nos conta tudinho sobre o livro, okey? :)

Que Deus te abençoe e te de muita saúde.

Beijinhos da amiga, Cid@

poetaeusou . . . disse...

*
Florbela, sonetando !
,
brisas serenas,
deixo,
,
*

Silenciosamente ouvindo... disse...

Poesia de Florbela Espanca é
sempre uma maravilha.
Foi bom ter estado aqui.
Desejo esteja bem.
Beijo
Irene

Liene disse...

Olá Mariazita!

A sensibilidade de Florbela a fez produzir textos muito fortes e inesquecíveis. Linda postagem!

Sua presença no Yehi Or é muito especial para todos nós. Seja sempre bem vinda, Mariazita!

Um abraço muito carinhoso e que Deus esteja sempre em seus caminhos te iluminando e derramando bênçãos em sua vida!

Te desejo uma semana de muita paz!

Sandra disse...

BOM DIA, MUITO ESPECIAL.
VENHO LHE ENTREGAR EM MÃOS UM CONVITE MUITO ESPECIAL PARA A FESTA DE AMANHÃ.
VOU TE ESPERAR COM MUITO CARINHO...

FESTA SURPRESA

LOCAL: CURIOSA.
QUANDO: 16.11.2010
HORARIO: DURANTE TODO O DIA.

VENHA PARTICIPAR. TENHO CERTEZA QUE VAI GOSTAR MUITO.
VOCÊ AJUDAR A BRILHANTAR A FESTA.


CONFIRME SEU CONVITE NA CURIOSA.
VOU TE ESPERAR.
VAMOS CANTAR E FESTAR COM MUITA ALEGRIAS.
CARINHOSAMENTE
SANDRA

José Sanches disse...

Mariazita, estou começando um blog, me considero bastante desleixo, confesso a verdade "não conhecia Florbela Espanca." Fiz algumas busca, e posso agora afirmar a beleza de seus versos e a nobresa da sua escolha, gostei muito,
beijos!...

Machado de Carlos disse...

Olá, tudo bem?

Aos poucos você vai chegando as coisas em seu devido lugar. Não se preocupe. Tudo dará certo para você. Aguarde que terá um grande sucesso com o seu livro!

Obrigado pelo seu comentário. Também adoro muito sonetos; é uma forma de contar uma história com momentos em quatorze versos.

Adoro Florbela Espanca. Uma Musa da Poesia!

Beijos, querida amiga!

Fique bem, tá?

Naty e Carlos disse...

O verdadeiro amor não se conhece por aquilo que exige, mas por aquilo que oferece.
Bjs com carinho

Sotnas disse...

Olá Mariazita, desejo que esteja tudo bem contigo, e também que tenha corrido tudo muito bem no lançamento do seu livro!
Florbela, um ser de alma sofrida, que com seus poemas que expressam seus sentimentos e deste modo conseguia certo alívio das tristezas que carregava dentro de si. Parabéns por bela postagem, tudo de bom pra você e todos ao redor sempre, agradeço pelas carinhosas visitas e gentis comentários, grande abraço e até mais!

Sotnas disse...

Olá Mariazita, retorno pra dizer que concordo com o comentário de Nilce, a foto é deveras interessante, logo na primeira olhada me pareceu uma das aldeias dos índios daqui do amazonas, porém não posso afirmar o que seja além de bela e interessante! Parabéns pela imagem também! Grande abraço e até mais!

Hana disse...

Florbela Espanca uma fonte de inspiração nas mão de poestas maravilhosos.Eternas.
com carinho
Hana

Sandra disse...

Curiosa está comemorando
Agradeço a sua companhia e visita. Agora conquistante mais um selinho. 121 mil visitas. Lhe ofereço com muito carinho.
Amigos são como Você, são para sempre! SÃO ETERNOS.
muito obrigada por estar junto comigo nesta comemoração.Estou muito feliz.Sei que fazes parte deste Jardim.
És minha flor mais preciosa. cheia de perfume e cor. Obrigada.
Carinhosamente,
Sandra

orvalho do ceu disse...

Olá, querida
Poetisar é também amar...
Estou fazendo uma semana de reflexões com textos sobre o silêncio, acompanha,tá?
Saudações com votos de paz e alegria no Domingo.
Bjs

helia disse...

Mais uma das Poesias maravilhosas de Florbela Espanca!
É sempre muito agradável ler Poesia de Florbela!

Chica disse...

Voltei pra te deixar um beijo e desejar linda semana!chica

Machado de Carlos disse...

Olá Mariazita!

Como você está? Como vai o seu livro? Tudo bem?

Um Abraço!

Beijos!

Isa disse...

Mas está linda a casa!
Linda e acolhedora.
Beijo.
isa.

Silenciosamente ouvindo... disse...

É sempre bom visitar um blogue amigo - como o seu - tento ir rodando, porque tenho muitos
seguidores e todos merecem que
lhes dedique uns minutos.
Agradeço as s/visitas aos meus blogues, e me desculpe se não
agradeço com rapidez, mas o blogger
não me facilita o envio de comentários, perco imenso tempo em
vão.
Desejo muito que esteja bem.
Beijinho/Irene

Vieira Calado disse...

Olá, amiga!

Passei a ver se havia novidades...

Bjs

Angela Reis (Luna Luz) disse...

Lindo poema de Florbela. Obrigada pela partilha! =*

Entendo a falta de tempo, meus dias tbém andam corridos. Adorei sua visita, e obrigada pelas palavras deixadas lá, gostei muito! =)

Desejo-lhe sucesso com o livro, Mariazita. Deus te abençoe! =*****

Um beijo terno em seu coração

Irene Moreira disse...

Mariazita

Esta poesia bem o diz que um livro que se lê nos bate a alma e nos leva a vestir e sentir sua história.

Beijos

Graça Pereira disse...

Minha Querida
Adoro o Alentejo que tem nuances de África...Se eu pudesse escolher, acho que viviria no Alentejo e talvez encontrasse a alma de Florbela versejando sobre a sua várzea...e daí, talvez eu escrevesse tambem o meu "Livro de Mágoas"...
Ela que nasceu e partiu (por suas mãos...) no dia 8 de Dezembro...que Nª sª da Conceição acolha este lírio caído por tantas mágoas...
Mil beijos
Graça

Sandra disse...

Ola amiga. Tudo bem.. ando sem tempo mas vim deixar um carinho para ti. Hoje tem alguém bem especial comigo neste cantinho.
http://sandraandradeendy.blogspot.com/
Venha conferir..
Bjs.
Sandra

Multiolhares disse...

os poemas da Florbela Espanca são lindos, falam à alma,a foto também é deslumbrante
beojinhos

Machado de Carlos disse...

Obrigado Mariazita, sempre é bom receber novas amizades, não é. A Minha Amiga chegou da Itália. Bem perto de você não é?

Beijos!